Intérpretes e tradução simultânea para curso em Goiânia – Escola da Polícia Civil

Home/Sem categoria/Intérpretes e tradução simultânea para curso em Goiânia – Escola da Polícia Civil

Intérpretes e tradução simultânea para curso em Goiânia – Escola da Polícia Civil

Traduzimos um interessante curso em Goiânia, sobre técnicas de entrevistas e interrogatórios na Escola da Polícia Civil da cidade. O evento contou com a nossa experiência e qualificação para realizar a tradução simultânea em Goiânia. Nessa postagem gostaríamos de compartilhar a nossa experiência e o que aprendemos sobre o evento enquanto realizávamos a tradução simultânea na cidade de Goiânia.

Sobre o curso da Escola da Polícia Civil

Quando um suspeito é questionado sobre um crime, é uma suposição muito boa que a resposta seja sempre: “Eu não fiz isso”. A ironia é que pessoas boas – pessoas que são realmente inocentes – dirão aos investigadores exatamente a mesma história – “Eu não fiz isso”.

Como você sabe qual deles está dizendo a verdade? E, se você aplicar técnicas de pressão, como você evita que os inocentes se quebrem e se impliquem por uma falsa admissão?

Foto de policiais durante o curso onde fizemos tradução simultânea na cidade de Goiânia

Foto de policiais em curso que fizemos tradução simultânea em Goiânia

No tribunal, uma confissão é a evidência mais confiável que um promotor pode apresentar. Se ele confessou, ele deve ter feito isso. Um interrogador policial satisfeito felicitar-se-á por resolver o caso, quando, de fato, ele pode ter arruinado a vida de um homem inocente, e pode estar permitindo que um verdadeiro criminoso continue cometendo crimes – isto vai custar muito dinheiro ao governo devido a uma acusação errada. A tradução simultânea foi feita por intérpretes em Goiânia.

Intérpretes Goiânia ligue WhatsApp 11 9 9934 4647

Existem várias técnicas diferentes que são usadas em entrevistas (oitivas) e interrogatórios (para obter uma confissão). Uma destas técnicas, é a técnica do bom e do mal policial: mesmo crianças pequenas já ouviram falar do bom policial, e do mal policial, por ex., quando seus pais se juntam – um bem humorado e o outro irritado e ameaçador – para descobrir quem comeu os biscoitos (depois de terem encontrado migalhas na sala). Em uma situação de alta pressão, muitas pessoas se abrirão para alguém que ofereça compaixão, e podem até mesmo aceitar sugestões para garantir que a pessoa presumivelmente agradável continue a protegê-la. Esta técnica é muito usada atualmente.

Uma nova técnica de entrevista está ganhando aceitação como forma efetiva de descobrir a verdade sem criar testemunhas falsas. O método PEACE (Preparação e planejamento, envolvimento e explicação, prestação de contas, encerramento e avaliação) está sendo aplicado no Reino Unido, Dinamarca, Nova Zelândia e alguns outros lugares. Assemelha-se a uma abordagem jornalística, e é um formato muito direto. Assume que um mentiroso irá gradualmente construir uma série de explicações falsas, e quanto mais o indivíduo mente, mais ele deve fazer malabarismos em sua mente. Eventualmente, um detalhe inconsistente quebrará toda a história falsa.

Se você tem um evento em Goiânia e precisa de intérpretes na cidade, ligue para o WhatsApp, operadora Vivo para 11 9 9934 4647 e fale com Vivian. Conte conosco também para tradução em cursos de todos os portes.

Por |outubro 18th, 2017|Categorias: Sem categoria|0 Comentários

Sobre o Autor:

Deixe um comentário